Deus existe?


download (7)

Para muitos, a existência de Deus é algo que precisa ser testado, apenas experimentá-lo, porque eles sentem a sua presença constante.

Para outros, a crença em um Criador é uma farsa inventada para exercer poder sobre as massas ou pessoas ignorantes e fracos que precisam para afirmar algo mais elevado contra as várias incertezas da vida.

god_godstar

Talvez, embora eu não possa provar conclusivamente que está todo mundo certo é senhor de suas próprias experiências e tem todo o direito de acreditar em tudo o que ele quer.

Mas o que se fez o exercício de tentar provar a existência de Deus sem usar a fé, mas tendo os argumentos que a própria ciência nos dá, ou seja, temos a hipótese de pedir a possível existência de raciocínio lógico e tentar provar com argumentos válidos e demonstrável ?

Provar que é possível através da ciência?

“Um pouco de ciência afasta de Deus, mas um monte  sobre.”-Louis Pasteur.

Incentive-nos a continuar escrevendo aqui.

A partir de Descartes e revolucionária teoria da evolução de Darwin, o mundo estava imerso em uma filosofia naturalista que descartou a presença de Deus e exaltou o raciocínio apoiado pelo método científico, em que só aceitam como válido o demonstrável através dele, deixando a crença em Deus religada o âmbito das religiões ou experiência mística.

Dicotomia Ciência-Religião causada por um resfriado, assépticas e inegáveis ​​avanços da peça no campo da ciência, mas caso contrário, uma grande confusão filosófica na sociedade, imerso no mundo das estatísticas coincidências que justificam a existência efêmera de seus membros,  foi impulsionado a se apegar aos bens materiais, a pensar que “depois desta vida não há nenhum outro”, você tirar o máximo proveito de seu ambiente à custa dos outros e do ambiente, etc., bem como para possível participação de satisfação durante a sua breve período de existência e insignificante.

No entanto, a vida é cercada por múltiplos tangível e inexplicável para a ciência tradicional e mentes céticas mistérios. Não é preciso nomeá-los, e todos nós tivemos experiências individuais ou coletivas neles.

Várias novas disciplinas têm tentado estudar e explicar, e suas investigações ou mesmo rejeitada ridicularizada como não suportado pelo método científico, mas em estudos especulativos ou campo levando apenas para acumular casuística.

No entanto, estamos a chegar ao limiar de uma nova ciência, paradoxalmente, a partir do mesmo mundo científico e cético, graças a avanços e descobertas em quantum e mecânica relativista, que nos levam aos confins da realidade começar a lidar com dilemas que fazem fronteira com o metafísico.

Estudos visionários ousados ​​e muitos membros da comunidade científica internacional estão chegando a conclusões surpreendentes que poderiam levar a alterar radicalmente o paradigma atual.

Incentive-nos a continuar escrevendo aqui.

Precisamente estes lings de tinta para “a fronteira da fronteira” nos daria os argumentos necessários para descobrir a impressão digital Intelligence Supra estaria assistindo a partir das dobras da cortina que separa o nosso universo “auto-suficiente” do Infinito.

Se de fato o Criador do Universo existe, obviamente, não vai ser possível provar diretamente, como tirar uma fotografia, filmá-lo, ou fazer uma entrevista com ele para apresentar ao grupo de céticos que pedem provas irrefutáveis.

Portanto, se tentarmos provar racionalmente a sua existência, devemos proceder com a racionalidade em nossa investigação.

Vamos começar com o seguinte raciocínio logicamente válido, como um axioma:

Se ele existe e, como tal, criou o universo, então, obviamente, você deve viver em outra realidade dimensional, provavelmente, diferente deste, pelo menos tanto quanto a espacialidade e a temporalidade está em causa, e, possivelmente, um maior número de dimensões.

Nossa realidade espaço-temporal deve necessariamente ser inserido em um quadro menor e mais limitada, que permitiu a sua criação usando as leis de seu próprio país e, em seguida, ter o controle permanente sobre ele.

god_bigbang

Incentive-nos a continuar escrevendo aqui.

Esta partida axioma salienta que é impossível provar a existência de Deus, a menos que eles são feitos indiretamente através de indução (pode, talvez, uma gota de água ser vista para o mar?).

Agora, é possível para tentar provar sua existência indiretamente com argumentos científicos e plausíveis?

Nós achamos que sim, e que é a ciência de nosso tempo, como dissemos, considerando seu passado e pesquisas inovadoras, que permite precisamente.

Vamos começar a abrir os olhos e maravilhe-se com as provas.

É POSSÍVEL UM ATO Criador do universo?

“A possibilidade de que somos criações de alguns supremo, ou um super inteligência, borra a fronteira entre a física e a filosofia idealista, entre o natural e o sobrenatural, entre a relação da mente com o multíverso e a possibilidade de que estamos vivendo em ‘Matrix’, em vez de em um mundo físico.

Sr Martin Rees (Professor de Cosmologia e Astrofísica na Universidade de Cambridge) Como mencionado, a comunidade científica tem tentado até agora para explicar a origem e a existência do universo e da vida através de várias teorias.

O requisito inerente que eles exigem para eles para que eles possam ser considerados plausível é o que envolve processos que são completamente natural, sem a intervenção de um Criador.

Esta é fortemente influenciado pela aceitação universal da teoria, mesmo não demostrada- da evolução, para não mencionar os preconceitos do pensamento intelectual atual nessas áreas, que são geralmente caracterizadas por sua falta de humildade e abertura contra por isso, ainda não é conhecida.

Um Criador?

Incentive-nos a continuar escrevendo aqui.

Vamos lá, uma crença de que é para a religião e seus seguidores, mas não há maneira de algo como “grave”, como “acadêmica” como de ciência, que exige de seus praticantes o máximo rigor do método científico para estudar e explicar a fenômenos ambientais.

Como se os órgãos sensoriais dos investigadores e dos instrumentos de medição utilizados eram equivalentes para o método em si, sem ter em conta que os pode ser limitada e imprecisa eles.

Esse dogmatismo, combinada com a impopularidade ou desacreditar respondendo por ousar investigar nesse sentido, não é ignorar a evidência abundante de que, de outras maneiras, a mesma ciência dá essa possibilidade.

Paradoxalmente entretanto, a teoria mais aceita hoje para a formação do universo, mesmo considerando as suas variantes e as suas consequências, ele só poderia dar a razão e à intervenção de uma entidade inteligente que pode ter desencadeado o processo original e seu desenvolvimento e posterior manutenção e permanente:

A teoria do Big Bang ou o Big Bang. NOTA 1:

Esta é a teoria mais amplamente aceita e, atualmente, sobre a formação do universo.

Ele postula que teria originado a partir da explosão de uma energia concentrada átomo primitivo. Tal teoria foi postulada em 1948 pelo físico russo George Gamow americano nascido, que modificou a teoria do núcleo principal da Lemaître.

De acordo com o tamanho científico atual do átomo que teria sido infinitamente menores do que a cabeça de um alfinete: Na verdade, a 10 -43 para os segundos após a explosão inicial (chamado tempo de Planck), o “ovo primordial” .

Ele tinha um diâmetro de 10 a -33 cm (sendo o diâmetro do núcleo de um átomo é de 10 a -13 cm) e uma temperatura de 10 a 32 graus.

Como o físico John Wheeler, disse que de “alguma coisa” que precedeu a criação do universo: “Tudo o que sabemos a sua origem em um oceano infinito de energia que se parece com nada.”

O máximo de informações sobre o que aconteceu antes desta explosão original não tem, não haveria espaço para a intervenção de uma entidade criativa. (Fim Nota 1)

Incentive-nos a continuar escrevendo aqui.

Compartilhe!…

Comente, Seja feliz!

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s